[artigo] Duas histórias inspiradoras

 

779_capa

Revista Época
Por Helio Gurovitz – Diretor de Redação. Publicado originalmente na versão impressa da revista

Para inaugurar o Movimento Empreenda neste ano, decidimos tratar das duas maiores histórias de negócios do Brasil recente. São as histórias dos empresários Eike Batista e Jorge Paulo Lemann.

Uma das causas mais importantes para ÉPOCA é o empreendedorismo. Acreditamos que é da força, das ideias e das ações dos indivíduos que virá a energia para melhorarmos o Brasil. Empreendedores de sucesso inspiram todos aqueles que acreditam no futuro e desejam ajudar a construí-lo. E é para incentivar o empreendedorismo no Brasil que, pelo segundo ano, a Editora Globo promove, em todas as revistas da casa, o Movimento Empreenda, uma iniciativa que contará, ao longo do ano, histórias inspiradoras do mundo dos negócios. Para inaugurar o Movimento Empreenda neste ano, decidimos tratar das duas maiores histórias de negócios do Brasil recente. São as histórias dos empresários Eike Batista e Jorge Paulo Lemann. Ambos já foram considerados o homem mais rico do país. Ambos comandam grupos empresariais gigantescos. Ambos sonharam alto. E, da trajetória de ambos, é possível extrair lições. Para narrar a saga de Lemann, convidamos a jornalista de negócios Cristiane Correa, que o acompanha há mais de dez anos e, fato raro, já o entrevistou algumas vezes. Autora do recém lançado Sonho grande, uma análise dos elementos que tornam único no mundo o caso de Lemann e seus sócios Marcel Telles e Beto Sicupira, Cristiane reservou, para a reportagem exclusiva da página 68, várias histórias que não estão em seu livro. Seu texto revela, com grande riqueza de detalhes pessoais e profissionais, como Lemann conseguiu erguer um império com base em poucas e sólidas ideias. Coube ao repórter especial José Fucs investigar as raízes da crise atualmente enfrentada pelas empresas de Eike. Com um perfil exuberante – bem distante da discrição preconizada e praticada por Lemann –, Eike montou nos últimos anos um conglomerado diversificado, mas foi incapaz de obter os resultados prometidos ao mercado. Fucs mergulhou nos números, entrevistou banqueiros, credores e executivos para fazer o mais preciso e coerente diagnóstico da situação das empresas de Eike. Embora em dificuldades, sua história – na crise como no auge – é útil para todos aqueles que querem empreender ou entender os percalços e desafios de quem quer fazer negócios no Brasil.
Vidas paralelas: Jorge Paulo Lemann e Eike Batista

779_vidas

Os dois empresários têm algo em comum: sonharam alto. Suas trajetórias podem inspirar os que perseguem sonhos de todos os tamanhos
http://glo.bo/11KJGnj
Salve Jorge, o número um
Por Cristiane Correa

779_jorge1

O homem mais rico do Brasil foi tenista, surfista, faliu e se recuperou. De seus altos e baixos, aprendeu que o essencial é conquistar os maiores talentos – e recompensá-los à altura
http://glo.bo/13l3QVy